Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Até Parece // Companhia Mascarenhas-Martins

11 a 19 Maio 2019
Ateparececoverphoto 1 1024 2500

Isto sempre foi assim. Como? Sabemos lá, mas que sempre foi assim isso podemos garantir. Talvez aquela coisa de nunca estarmos bem sentados numa cadeira, cruzamos a perna direita sobre a perna esquerda, cruzamos a perna esquerda sobre a perna direita, coçamos a garganta e ficamos na mesma. Anúncios de colchões ortopédicos que resolvem a ausência de sono, documentários sobre crocodilos, gente viciada em leite, gente viciada em vinagre, a centrifugação que embala o ambiente daquelas lavandarias automáticas, dois irmãos milionários num luxuoso resort lunar, geleiras cheias de cerveja ao domingo. Até Parece mistura quatro realidades – curioso termo – que denunciam a tal impossibilidade de estarmos bem sentados. Mas está tudo bem. Isto sempre foi assim.

Interpretação: André Alves, Eduardo Dias, Estela Zambujo, João Jacinto, Levi Martins e Pedro Nunes

Texto: Miguel Branco

Encenação: Levi Martins

Cenografia e figurinos: Adelino Lourenço

Música, som e design: André Reis

Registo vídeo e operação de som: Inês Monteiro Pires

Assistência de encenação e produção: Pedro Nunes

Assistência de produção: Estela Zambujo

 

Apoio: Câmara Municipal do Montijo, Junta de Freguesia da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro, Sociedade Filarmónica 1.º de Dezembro, Ateneu Popular de Montijo

Horário:

Sábado, 11 maio | 15h e 21h30

Domingo, 12 maio | 21h30

Sexta, 17 maio | 21h30

Sábado, 18 maio | 21h30

Domingo, 19 maio | 15h e 18h

Local:
Sociedade Filarmónica 1.º de Dezembro
Organização:
Companhia Mascarenhas-Martins

Município do Montijo © 2015 | Todos os direitos reservados

logotipo w3camrs logotipologotipo wiremaze