Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Vila de Canha - Um percurso turístico




Vila de Canha - um Percurso Turístico


Canha, antiga Villa Nova de Cayna, segundo apontamentos e pergaminhos encontrados, é uma povoação tão antiga como a nacionalidade portuguesa.

Situada na margem esquerda da Ribeira de Canha ou Ribeira de Almansôr, é a freguesia mais distante da atual sede de concelho. 

De características rurais, é dotada de uma beleza natural e paisagística de grande atratividade.

A nossa sugestão propõe um conjunto de locais a visitar, que vão do património natural ao religioso, do civil ao utilitário, onde se encontram traços de arquitetura de assinalável interesse.

Diz o povo que aqui existiu um castelo e um poço, e que segundo a lenda, quem deste se aproximasse à meia noite em noite de luar, acharia um tesouro.

Lendas ou histórias fantásticas! Não sabemos. Mas uma coisa é certa, a vila de Canha é sem dúvida um tesouro, por descobrir!

 

Início do percurso

Parta do centro da vila, na Rua do Castelo onde encontra a Casa Piteira. Da autoria do arquiteto Hermínio Vaz Barros, este imóvel apresenta o aspeto pitoresco da “casa portuguesa”, com telhado de beirais e varanda com alpendre.

Também localizada na Rua do Castelo está a Ermida de S. Sebastião ou da Misericórdia, fundada no século XVI, com posteriores remodelações.

Mais à frente encontra o Museu Etnográfico de Canha, situado na antiga casa de um saudoso médico local. Aqui, pode visitar algumas exposições e outras manifestações de cariz cultural.

De paredes meias com o Alentejo, o traçado do casario da vila, caiado de branco, na sua maioria de piso térreo, apresenta aqui e ali, um elemento característico - a grande chaminé alentejana, onde no inverno arde o azinho e fumam-se os enchidos.

Um pouco mais adiante, repare no pormenor no arco sineiro do antigo edifício da Câmara Municipal, atual Posto da GNR.

Dirija-se à Rua de Santo António e visite a Igreja de Nossa Senhora de Oliveira. Fundada no século XIII, a igreja que atualmente se observa é uma edificação do século XVII. No átrio que antecede a entrada, a simbólica Oliveira convida-nos a entrar e descobrir este tesouro tão bem guardado. A sua riqueza interior, não nos é denunciada pelo simples e austero exterior, cuja riqueza azulejar nos surpreende. Um magnífico retábulo de talha dourada, acresce à riqueza do conjunto.

Descendo uns metros, à direita da igreja, encontra a Fonte Velha, que embora velha, ainda nos refresca com água nova e boa. Diz o povo que antigamente era o local de encontro dos namorados.

Retomando a via principal da localidade, vire na Rua da Liberdade. De imediato encontrará indicações que o levam à Herdade do Moinho Novo. Uma exploração agrícola lúdico-pedagógica, com espaços multiusos, onde se realizam as mais diversas atividades ao ar livre.

Já de volta, retome o piso de asfalto da N251, volte à esquerda e siga pela estrada que indica Vendas Novas. No lado esquerdo do caminho, serpenteia a Ribeira de Canha, local excelente para a observação de flora e fauna.

Na paisagem de montado, importantes herdades agrícolas, surgem no lado direito – Herdade do Montinho e Herdade do Escatelar, ambas privadas, mas que, mesmo de longe, já denotam a importância económica da vila, num passado distante. Canha foi terra de lavradores e latifundiários que aqui desenvolveram a atividade agrícola, trazendo a prosperidade à vila.

Um pouco mais à frente, ainda do lado direito, surge-nos o Sobreiro Centenário imponente e majestoso, obra-prima da Natureza, considerada árvore de interesse público, apesar da idade, encontra-se em estado vegetativo regular.

Regressemos à vila. Sempre atentos ao céu e aos campos. Por aqui há cegonhas brancas, milhafres, águias, e outras aves interessantes que cruzam o espaço aberto deste montado a perder de vista.

Saindo da vila, tomando a direção da cidade do Montijo, faça uma paragem no Monte das Mós, local totalmente dedicado ao treino e prática da equitação tradicional portuguesa, vocacionado para a criação da raça Lusitano.

Para conhecer melhor e usufruir de todas as potencialidades desta zona rural, consulte a oferta de alojamento disponível e deixe-se ficar por cá!

Município do Montijo © 2015 | Todos os direitos reservados

logotipo w3camrs logotipologotipo wiremaze